A Importância do Pequeno-Almoço

Um pequeno-almoço saudável e equilibridado é essencial a qualquer criança para que esta comece bem o dia.

O pequeno-almoço deve fornecer nutrientes em quantidades adequadas, de modo a oferecer à criança a energia necessária para o desempenho das suas funções, optimizando as capacidades cognitivas e facilitando os processos de aprendizagem.

Estudos referem que:

  • Um pequeno-almoço com alimentos provenientes dos 7 grupos da roda dos alimentos fornece às crianças aproximadamente um quarto das suas necessidades diárias em nutrientes;
  • Indivíduos que “saltam” a refeição do pequeno-almoço têm menos hipóteses de atingir a quantidade diária, necessária, de nutrientes;
  • Quando as crianças tomam o pequeno-almoço, estão facilitadas funções como a concentração, aprendizagem, pensamento e comportamento.

Quatro estratégias para tornar o pequeno-almoço um hábito em sua casa:

1. Seja um modelo
Se quer que a sua criança coma o pequeno-almoço, tome-o também!!!

2. Mantenha os alimentos do pequeno-almoço sempre à mão
Tenha pelo menos duas porções de cada item que vai servir ao pequeno-almoço (ex: no caso do pão, servir dois tipos de pão diferentes), para tornar o pequeno-almoço mais variado e assim evitar a monotonia.

3. Torne-o fácil
Adopte formas de servir o pequeno-almoço que sejam simples e viáveis, de preferência, de modo a que as próprias crianças consigam servir-se sozinhas. Mantenha os alimentos sempre visíveis.

4. Tente o pequeno-almoço na escola
Encoraje as crianças que não conseguem tomar o pequeno-almoço em casa a tomarem-no na escola. O importante aqui é a intervenção dos pais na elaboração do pequeno-almoço para se certificarem de que as crianças tomam um pequeno-almoço saudável.

Sugerimos que consulte mais informação em Necessidades Energéticas para crianças.

A Importância do Pequeno-Almoço
Voltar